Messi, Xavi e Ronaldo disputam a Bola de Ouro; Neymar fica fora

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011 10:23 BRST
 

PARIS (Reuters) - Lionel Messi está a caminho de igualar o recorde de três conquistas seguidas da Bola de Ouro, o mais importante prêmio individual do futebol mundial, após ser indicado ao lado de seu companheiro de Barcelona Xavi e do português do Real Madrid Cristiano Ronaldo na lista final dos três indicados.

O atacante do Santos Neymar, que tinha sido incluído numa lista prévia com 23 nomes, ficou de fora da relação final dos indicados, que pela terceira vez seguida tem seus três integrantes oriundos de clubes da Espanha.

Messi, que venceu a Bola de Ouro em 2009 e 2010, é o favorito para conquistar o troféu pela terceira vez consecutiva após ter liderado o Barcelona na conquista da Liga dos Campeões com uma atuação de gala na final contra o Manchester United, em julho.

Cristiano Ronaldo ganhou a Bola de Ouro em 2008, enquanto Xavi terminou em terceiro nas duas edições passadas do prêmio.

O ex-capitão da França e atual presidente da Uefa, Michel Platini, ganhou a Bola de Ouro três vezes consecutivas em 1983, 1984 e 1985.

No ano passado, o prêmio de melhor jogador do mundo da Fifa e a Bola de Ouro, da revista France Football, se tornaram uma premiação única, com votos de técnicos e capitães das seleções nacionais e de representantes da imprensa.

O ganhador será anunciado no dia 9 de janeiro, em Zurique, e o prêmio será entregue pelo holandês Ruud Gullit, ganhador da Bola de Ouro em 1987.

O secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, disse que a cerimônia deixará de ser realizada na Suíça nos próximos anos.

"Vamos levar a Bola de Ouro para fora de Zurique. Pode ser em Paris, Barcelona ou outra cidade europeia, mas vai continuar na Europa", disse ele a repórteres na sede da revista France Football, que co-organiza o evento.   Continuação...