EUA e Barein são mantidos no calendário de 2012 da F1

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011 16:02 BRST
 

Por Alan Baldwin

LONDRES (Reuters) - A Fórmula 1 vai correr nos Estados Unidos em 2012 após um acordo fechado nesta quarta-feira entre os organizadores de um novo grande prêmio no Texas e o chefe comercial da F1, Bernie Ecclestone.

"O sr. Ecclestone recebeu seu cheque hoje", disse Red McCombs, um dos fundadores do Circuito das Américas, em Austin, em um comunicado.

A corrida, e o Grande Prêmio do Barein, que precisou ser cancelado este ano devido à instabilidade política no país, estavam em dúvida para o calendário de 2012 antes de uma reunião da Federação Internacional de Automobilismo em Nova Délhi. No entanto, ambos receberam luz verde.

"O calendário do Campeonato Mundial de Fórmula 1 de 2012 foi confirmado conforme publicado anteriormente", disse a FIA em comunicado.

As obras foram interrompidas no mês passado no circuito de 5,5 quilômetros no Texas, que será o primeiro construído nos EUA especificamente para a Fórmula 1, em meio a disputas sobre o pagamento de taxas para a realização da corrida.

Ecclestone, de 81 anos, tinha dado aos organizadores um ultimato para a assinatura do contrato nesta semana.

Responsáveis pelo circuito disseram que um acordo com 10 anos de duração foi acertado e que o trabalho será reiniciado imediatamente para a corrida de 18 de novembro de 2012.

Bobby Epstein, outro financiador do circuito, disse: "Nossos investidores sempre acreditaram que esse projeto terá benefícios tremendos para a nossa região, e fornece um motor econômico forte para a o futuro".   Continuação...