Com um a menos, Rubin avança e elimina o Tottenham

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011 20:30 BRST
 

Por Brian Homewood

BERNA (Reuters) - Jogando com um a menos a partir dos 13 minutos de jogo, o Rubin Kazan segurou o empate em 1 x 1 contra o PAOK Salonika e avançou à fase de mata-mata da Liga Europa, desclassificando o Tottenham Hotspur.

O time inglês, que levou apenas três reservas para o banco, goleou o irlandês Shamrock Rovers por 4 x 0, mas terminou o Grupo A em terceiro lugar, um ponto atrás dos russos. Além de vencer, o Tottenham precisava torcer pela derrota do Rubin, além de descontar uma desvantagem de cinco gols no saldo. Um cenário difícil, mas que em algum momento pareceu ser possível.

"No intervalo sabíamos que o outro time estava perdendo, e achamos que tínhamos uma chance real", disse o técnico do Spurs, Harry Redknaopp, ao canal ITV4. "Sabíamos que eles estavam jogando com dez."

O goleiro do Rubin, Sergei Ryzhikov, foi expulso logo no começo ao dar uma tesoura em Giorgos Georgiadis, e na sequência Vieirinha converteu o pênalti para os gregos. Enquanto isso, em Shamrock, o time reserva do Tottenham abria três gols de vantagem em apenas 16 minutos - com Steven Pienaar, Andros Townsend e Jermain Defoe.

Mas o atacante paraguaio Nelson Haedo Valdez empatou para o Rubin aos 3 do segundo tempo, num voleio sobre a marca do pênalti, aproveitando bola desviada por Gokdeniz Karadeniz.

No outro jogo, já nos acréscimos, o reserva Harry Kane selou a inútil goleada do Tottenham, que usou times mistos em todos os jogos da competição.