Blatter 'lamenta' escolha conjunta das sedes de 2018 e 2022

sábado, 17 de dezembro de 2011 17:06 BRST
 

By Alastair Himmer

TÓQUIO, Dec (Reuters) - O presidente da FIFA Sepp Blatter declarou neste sábado que "lamenta" o ano manchado por escândalos em que a entidade enfrentou uma crise atrás da outra.

Blatter mais uma vez defendeu a decisão de indicar as sedes das Copas do Mundo de 2018 e 2022 para Rússia e Qatar, mas disse que anunciar as escolhas ao mesmo tempo pode ter sido um erro.

"É uma questão a ser avaliada após um ano de altos e baixos", disse Blatter a repórteres após reunião do comitê executivo da Fifa em Tóquio, onde acontece o Mundial de Clubes.

"Não foi a melhor nem mais inteligente decisão da Fifa anunciar duas Copas do Mundo simultaneamente", disse o dirigente de 75 anos na véspera da final entre Barcelona e Santos em Yokohama.

"Foi errado e causou uma série de problemas este ano", acrescentou sobre a controvérsia e subsequente série de revelações de corrupção detonadas pelas escolhas.

"Passado é passado e devemos olhar adiante. O barco está parado em águas paradas mas estamos trazendo-o de volta ao porto."

"Arrependimento, sim. Mas você não pode viver se arrependendo. Você lamenta mas não pode voltar e mudar o passado... você tem que ter uma abordagem positiva e eu tenho energia para ir em frente e trazer de volta a credibilidade da Fifa e tomar cuidado com a opinião pública."

Blatter, reeleito para o quarto mandato em junho sem oposição depois que o presidente da Confederação Asiática Mohamed Bin Hammam foi expulso da Fifa num escândalo de compra de votos, teve seu trabalho cortado.   Continuação...