Murray arrasa Dolgopolov e conquista Torneio de Brisbane

domingo, 8 de janeiro de 2012 13:46 BRST
 

BRISBANE (Reuters) - Implacável, Andy Murray conquistou uma vitória inquestionável por 6-1 e 6-3 sobre Alexandr Dolgopolov, que recuperava-se de contusão, para vencer o Torneio de Brisbane e reforçar a confiança a poucos dias do início do Aberto da Austrália.

Murray havia vencido o ucraniano em um grande jogo, disputado em quatro sets, pelas quartas-de-final do mesmo torneio no ano passado, mas no reencontro na Pat Rafter Arena não houve a mínima chance para um Dolgopolov com evidentes dificuldades físicas por conta da lesão na perna direita, arrastando-se em quadra.

O escocês mostrou pouca solidariedade ao adversário, com seu rabo-de-cavalo desarrumado, e emplacou seu melhor golpe de direita no fundo de quadra, para fechar a partida em 66 minutos.

"Primeiro, gostaria de desculpar-me com Alex, sei que ele estava com um problema na perna, pois havia se machucado ontem, e fez um grande esforço, especialmente no final do segundo set", disse Murray ao receber o troféu Roy Emerson.

"É minha primeira semana com a nova comissão técnica e acho que foi boa, realmente gostei, e espero que tenhamos mais sucesso no futuro... Estou ansioso para retornar na próxima semana."

O 22o. título em um torneio ATP de Murray foi o primeiro sob o comando de seu novo técnico, Ivan Lendl, oito vezes campeão de grand slams, que o aplaudiu das arquibancadas.

Após quebrar o saque de Dolgopolov e fazer 3-1 no primeiro set, o número 4 do ranking conquistou uma série sucessiva de games antes de seu adversário finalmente defender o saque, no segundo set, e postergar a vitória.

O ucraniano conseguiu recuperar-se e fazer 4-3 após quebrar o saque de Murray com um golpe de direita, mas perdeu a chance de garantir a quebra novamente e surpreender na partida.

A vitória de Murray coroa uma excelente semana para o britânico, que costuma utilizar a Hopman Cup, em Perth, como treinamento para o primeiro grande slam do ano, que começa em 16 de janeiro.

Após quase ser eliminado na primeira rodada pelo 91o. do ranking, Mikhail Kukushkin, do Casaquistão, Murray se recuperou e superou os três adversários das etapas seguintes.

O tenista segue para o Melbourne Park em grande forma em busca de seu primeiro título de grand slam, após ter sido parado na final no Rod Laver Arena nas duas últimas edições.