Sino gigante vai abrir Olimpíada de Londres

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012 14:38 BRST
 

Por Mike Collett-White

LONDRES, 27 Jan (Reuters) - O cineasta Danny Boyle, que supervisiona a programação da cerimônia de abertura da Olimpíada de Londres, revelou na sexta-feira que o evento será chamado de "Ilhas da Maravilha" e envolve um grande sino e várias enfermeiras.

Estas serão um tributo ao Serviço Nacional de Saúde, uma organização pública da qual, segundo o diretor, os britânicos são muito orgulhosos. O nome do evento é inspirado na obra do maior de todos os dramaturgos, William Shakespeare.

Um sino gigante, feito especialmente para a cerimônia, soará para marcar o início das festividades.

Boyle, o diretor laureado pelo Oscar por "Quem Quer Ser um Milionário", disse a jornalistas que planeja um show menos espetacular do que o apresentado em Jogos recentes, em parte como consequência das restrições orçamentárias.

"Queremos dar uma sensação íntima e pessoal à cerimônia de abertura", afirmou ele. "Não queremos ser comandados pela audiência da TV, que é de 1 bilhão de pessoas e não é insignificante. Mas queremos que as 80 mil pessoas sortudas o bastante para estar ali (no estádio) sejam conduzidas de forma que sintam essa experiência."

A ideia dele é basear-se na cerimônia de abertura dos Jogos de Sydney-2000, em vez da de Pequim-2008.

"Obviamente o espetáculo de Pequim era de tirar o fôlego, a escala dele, e a beleza de Atenas (2004) é muito, muito inspiradora, mas digo que Sydney é algo que nos inspirou porque Sydney deu uma sensação de uma Olimpíada dos povos."

"A redução na escala é inevitável", acrescentou ele.   Continuação...