Contratar Thiago Motta foi uma surpresa, diz Leonardo

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012 16:40 BRST
 

PARIS, 1o Fev (Reuters) - O Paris St. Germain se surpreendeu com a decisão do meia brasileiro naturalizado italiano Thiago Motta de trocar a Inter de Milão pelo clube francês no último dia da janela de transferências de janeiro, disse o diretor esportivo do PSG, Leonardo, nesta quarta-feira.

"Ele é um grande jogador... esse é um grande sinal para a nossa torcida", disse Leonardo em entrevista coletiva. "Estou muito contente por ele ter assinado."

"Thiago vai ganhar menos do que ganhava na Inter. Foi uma surpresa de última hora, até para gente. A vontade dele de vir contou muito."

O jogador da seleção italiana foi a terceira e última contratação do PSG na janela de janeiro, depois dos também brasileiros Maxwell, do Barcelona, e Alex, do Chelsea.

De acordo com reportagens na imprensa francesa, o time líder do Campeonato Francês pagou 10 milhões de euros (13,2 milhões de dólares) por Thiago Motta, de 29 anos.

Desde que foi comprado pelo grupo de investimento Qatar Sports Investment em maio de 2011, o PSG já gastou mais de 100 milhões de euros em novos jogadores, incluindo 42 milhões pagos ao Palermo pelo meia argentino Javier Pastore.

"O PSG é agora o tipo de clube que pode contratar grandes jogadores", disse Leonardo, ex-jogador do time francês e da seleção brasileira e que foi técnico de Motta na Inter de Milão.

(Por Gregory Blachier)