Schumacher minimiza chance de voltar a ser campeão

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012 19:12 BRST
 

Por Alan Baldwin

JEREZ, Espanha, 8 Fev (Reuters) - Michael Schumacher ainda vive a expectativa de receber o novo carro da Mercedes para 2012, mas já antecipa que dificilmente terá chances de conquistar seu oitavo título na Fórmula 1.

Usando o carro do ano passado, o alemão percorreu na quarta-feira uma distância equivalente a duas corridas no circuito de Jerez, e fez o melhor tempo -1min18s561, o que não significa muita coisa, já que os rivais estavam experimentando seus novos carros.

Schumacher usou as 132 voltas para reunir dados sobre os novos pneus Pirelli. A Mercedes só deve estrear o carro novo no segundo teste da pré-temporada, previsto para este mês em Barcelona.

Falando a jornalistas nos boxes da equipe, ele disse que a demora na estreia do carro "talvez seja um fator importante, porque já trabalhamos mais no carro".

"Como eu disse antes, não acho que possamos realisticamente ter um carro para (ganhar o) campeonato a partir de onde começamos no ano passado", afirmou Schumacher, 43, acrescentando que o foco da equipe é a confiabilidade do novo modelo.

Entre os pilotos que estavam testando carros novos, Mark Webber, que deu 97 voltas com um Red Bull, fez o melhor tempo, 1min19s184, à frente do compatriota Daniel Ricciardo, da Toro Rosso.

O campeão mundial Sebastian Vettel assume o volante da Red Bull na quinta-feira, quando a participação do espanhol Fernando Alonso deve atrair mais interessados para o circuito. Nos primeiros dois dias de testes, o brasileiro Felipe Massa se encarregou de testar a Ferrari.

Lewis Hamilton substituirá Jenson Button no teste da McLaren, único da nova leva de carros a não ter o polêmico bico com degrau.