Dilma tenta acalmar base e exalta importância de coalizão

sexta-feira, 2 de março de 2012 13:40 BRT
 

BRASÍLIA, 2 Mar (Reuters) - A presidente Dilma Rousseff aproveitou a posse de Marcelo Crivella no Ministério da Pesca para tentar baixar a temperatura dentro da base governista, realçando a importância da coalizão que a elegeu e que apoia seu governo.

O discurso de Dilma vem em meio a mais um episódio de tensão entre o Planalto e a base aliada no Congresso, depois que deputados do PMDB elaboraram um manifesto em que expressam preocupação com uma suposta pretensão de hegemonia do PT, que usaria a eleição municipal deste ano para tomar espaço dos peemedebistas nos municípios.

"A constituição de alianças políticas é essencial para que o Brasil seja administrado, governado, de forma democrática e ao mesmo tempo que o governo represente os interesses da nação", afirmou a presidente na cerimônia de posse de Crivella.

A presidente afirmou ainda que o fato de ter a obrigação de governar para todos e se apoiar numa coalizão de partidos não é "contraditório".

"Só é contraditório para aqueles que não percebem que é possível e é necessário quando se chega ao governo eleito pelo voto popular falar para todos os brasileiros e para todas as brasileiras, mesmo que você se apoie numa coalizão e numa aliança", afirmou.

(Reportagem de Hugo Bachega)

 
Presidente Dilma Rousseff participa de coletiva de imprensa com o primeiro-ministro da Finlândia, Jyrki Katainen, após reunião no Palácio do Planalto em Brasília. Dilma aproveitou a posse de Marcelo Crivella no Ministério da Pesca para tentar baixar a temperatura dentro da base governista, realçando a importância da coalizão que a elegeu e que apoia seu governo. Foto de arquivo. 14/02/2012     REUTERS/Ueslei Marcelino