Muamba passou 78 minutos "morto", diz médico

quarta-feira, 21 de março de 2012 17:52 BRT
 

LONDRES, 21 Mar (Reuters) - O jogador Fabrice Muamba, do Bolton Wanderers, esteve "na prática morto" durante 78 minutos depois de sofrer uma parada cardíaca no sábado, disseram médicos na quarta-feira.

Muamba sofreu uma parada cardíaca em campo, durante jogo das quartas de final da Copa da FA (federação inglesa de futebol) contra o Tottenham Hotspur. Jonathan Tobin, médico do clube inglês, contou à BBC que 15 choques aplicados com um desfibrilador durante uma hora não bastaram para fazer o coração dele voltar a bater.

"Estávamos temendo pelo pior, e não achávamos que teríamos a recuperação que tivemos. É incrível", disse Tobin.

"Foram 48 minutos entre ele desmaiar e chegar ao hospital, e outros 30 minutos depois disso. Ele ficou, na prática, morto durante esse tempo."

O médico contou que visitou o meio-campista na terça-feira à noite, e o jogador disse estar bem.

O cardiologista Andrew Deaner, que assistia ao jogo no estádio e entrou em campo para ajudar no socorro, também se disse surpreso com a recuperação de Muamba.

"Se eu tivesse de usar o termo milagroso usaria aqui. Duas horas depois (de ele recuperar a consciência) sussurrei no ouvido dele: 'Qual é o seu nome', e ele disse: 'Fabrica Muamba'. Eu falei: 'Ouvi dizer que você é um ótimo jogador', e ele disse: 'Eu tento". Fiquei com uma lágrima no olho."

Deaner disse que Muamba não corre mais risco de morrer, mas que é cedo para dizer se ele poderá voltar a jogar. Sam Mohiddin, o cardiologista que o atende, disse que o jogador poderá ter "uma vida normal (...) dentro do espectro de possibilidades".

(Reportagem de Alan Baldwin)