Massa desafia crise e aposta em novo chassi na Malásia

quinta-feira, 22 de março de 2012 18:13 BRT
 

Por John O'Brien

SEPANG, Malásia, 22 Mar (Reuters) - Desafiando as críticas e sua má fase na Ferrari, Felipe Massa disse na quinta-feira está otimista de que o novo chassi do carro irá render dividendos no GP da Malásia, no próximo fim de semana.

O brasileiro não sobe ao pódio desde outubro de 2010, e está sob crescente pressão desde a pífia participação no GP da Austrália, na semana passada.

"Para ser honesto, realmente não ligo, nunca dirigi pensando no que os outros estão falando de mim", disse Massa, que tem contrato até o final do ano. "Eu não faria o meu trabalho assim. Penso no melhor que eu posso fazer na corrida, o que não foi o caso na Austrália."

O colega de equipe de Massa, Fernando Alonso, também teve dificuldades em Melbourne, mas mesmo assim conseguiu chegar em quinto lugar, após largar em 12º. Massa largou em 16º e abandonou após 46 voltas, num choque com o compatriota Bruno Senna.

"Não estou feliz com o que aconteceu lá ..., mas quando cheguei aqui em 2008 as pessoas diziam que eu estaria fora da Ferrari se não terminasse na Austrália naquela época", disse ele, referindo-se ao ano em que perdeu o título mundial para Lewis Hamilton numa emocionante decisão.

"Eu não terminei na Malásia também, mas aconteceu de ser a minha melhor temporada, então realmente não sei. As coisas mudam muito rapidamente de um dia para outro."

O desempenho no carro na abertura da temporada atormentou Massa, que agora tem um novo chassis. "Achamos realmente que é a coisa certa a fazer. Toda vez que eu guiava esse carro, nunca tinha os mesmos problemas que eu tive na Austrália. No primeiro dia eu não conseguia dirigir."