SAIBA MAIS-Mortes súbitas de jogadores desde 1990

sábado, 14 de abril de 2012 18:06 BRT
 

ROMA, 14 Abr (Reuters) - O jogador italiano do Livorno Piermario Morosini morreu no sábado depois de cair no gramado por causa de um ataque cardíaco durante uma partida da segunda divisão do futebol italiano contra o Pescara.

A seguir, uma lista dos jogadores de futebol que faleceram repentinamente desde 1990:

LONGHURST: o atacante do York City Dave Longhurst morreu aos 25 anos depois de cair dois minutos antes do intervalo de uma partida contra o Lincoln City em setembro de 1990.

DOS SANTOS: Em outubro de 2002, o atacante brasileiro de 28 anos Márcio dos Santos morreu por causa de um ataque cardíaco algumas horas depois de marcar um gol para a equipe peruana do Deportivo Wanka.

FOE: O meio-campista Marc-Vivien Foe desmaiou durante a vitória por 1 x 0 de Camarões sobre a Colômbia na Copa das Confederações em junho de 2003 em Lyon, na França, e morreu pouco depois, aos 26 anos.

FERREIRA: O brasileiro de 20 anos Max Ferreira morreu em um hospital em julho de 2003 depois de sentir um mal-estar durante um treino do seu clube, o Botafogo de Ribeirão Preto.

FEHER: Em janeiro de 2004, o húngaro da seleção nacional de 24 anos Miklos Feher morreu depois de desmaiar por causa de um ataque cardíaco em uma partida da liga portuguesa entre seu clube, o Benfica, e o Vitória de Guimarães.

SERGINHO: O zagueiro do São Caetano Serginho, de 30 anos, morreu depois de sofrer uma aparente parada cárdio-respiratória durante uma partida do Campeonato Brasileiro contra o São Paulo em outubro de 2004.

CUNHA: Em Portugal, o meio-campista do União Leiria Hugo Cunha desmaiou e morreu durante uma partida com amigos em junho de 2005. Tinha 28 anos.   Continuação...