Brasil buscará parceria britânica para Copa e Olimpíada

sexta-feira, 4 de maio de 2012 18:05 BRT
 

BRASÍLIA, 4 Mai (Reuters) - O Ministério do Esporte vai propor ao governo da Grã-Bretanha uma cooperação para que uma missão britânica dê apoio logístico e tecnológico ao Brasil na organização da Copa do Mundo de 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016.

O pedido será feito pelo ministro do Esporte, Aldo Rebelo, em reunião com autoridades britânicas na segunda-feira, informou o Ministério do Esporte.

A proposta é de que a missão fique permanentemente no Brasil depois dos Jogos Olímpicos de Londres ou viaje com frequência ao país. As áreas de interesse são comunicações, segurança e administração de eventos esportivos, legislação específica e interação entre ministérios do Esporte e Educação.

Rebelo disse à Reuters que pretende propor parceria semelhante ao governo chinês, pela experiência na organização da Olimpíada de Pequim, em 2008.

"Nós vamos buscar as parcerias necessárias para organizar grandes eventos à altura do Brasil", disse o ministro.

Na terça-feira, Aldo terá uma reunião de trabalho com a Fifa em Zurique para avaliação dos preparativos do Brasil para a Copa. Além do presidente da Fifa, Joseph Blatter, o secretário-geral da entidade, Jérôme Valcke, participará do encontro.

O encontro entre Aldo e Valcke será o primeiro desde a polêmica em torno das declarações do representante da Fifa de que o Brasil precisava de "um chute no traseiro" para acelerar os preparativos para a Copa do Mundo. "Para mim, é um episódio superado", disse Aldo.

(Reportagem de Ana Flor)