Puyol diz que será impossível disputar a Eurocopa

quarta-feira, 9 de maio de 2012 10:54 BRT
 

Por Elena Gylenderne

BARCELONA, 9 Mai (Reuters) - O zagueiro Carles Puyol, descrito pelo técnico Vicente del Bosque como "parte da alma" da seleção espanhola, acha que será impossível se recuperar de uma cirurgia de joelho a tempo de disputar a Eurocopa no mês que vem.

"Para ser honesto, vai ser muito duro, mas preciso esperar e ver como a operação transcorre", disse o catalão de 34 anos em entrevista coletiva na quarta-feira. "Mas acho impossível, porque quando se sai de uma operação há um período de recuperação, e acredito que quem estiver em melhor forma deve ir."

O zagueiro do Barcelona deixa uma lacuna significativa no time, que provavelmente será suprida por Sergio Ramos, do Real Madrid, ou por Javi Martínez, do Athletic Bilbao.

"É uma das piores notícias que poderíamos esperar, mas temos de lidar com ela e encontrar soluções, embora não será fácil", disse Del Bosque ao jornal As.

"Puyi é um titã, e sua ausência significa que a Espanha está perdendo parte da sua alma. Estamos falando de um jogador que é um exemplo dentro e fora do gramado, e é crucial tanto nas partidas quanto nos treinos", acrescentou o treinador, que anunciará a escalação definitiva no dia 27.

O Barça anunciou na terça-feira que o seu capitão sofreu uma lesão no joelho direito e ficará cerca de seis semanas afastado depois de se submeter a uma cirurgia artroscópica.

 
Capitão do Barcelona Carles Puyol comparece a coletiva de imprensa no campo de treinamento Joan Gamper, perto de Barcelona. O zagueiro acha que será impossível se recuperar de uma cirurgia de joelho a tempo de disputar a Eurocopa no mês que vem. 09/05/2012 REUTERS/Albert Gea