Nadal avança em Madri e critica saibro azul

quarta-feira, 9 de maio de 2012 20:16 BRT
 

MADRI, 9 Mai (Reuters) - O tenista espanhol Rafael Nadal, número dois do mundo, venceu na quarta-feira com facilidade o russo Nikolay Davydenko por 6-2 e 6-2, classificando-se para a terceira rodada do Masters de Madri, antes de somar sua voz às crescentes críticas ao saibro azul do torneio.

O principal rival de Nadal, Novak Djokovic, criticou na terça-feira os organizadores da competição e a ATP após uma vitória difícil. O sérvio disse que o piso é muito escorregadio e que as preocupações dos tenistas eram ignoradas.

Após vencer Davydenko, Nadal pediu que no ano que vem se volte à habitual terra vermelha. Os responsáveis pelo torneio argumentam que a superfície azul facilita que os espectadores possam acompanhar as bolas amarelas.

"O piso é complicado, muito escorregadio, não te faz sentir confortável", disse Nadal, campeão na terra batida em Monte Carlo e Barcelona, à televisão espanhola.

"Mas a única coisa que podemos fazer agora é virar a página porque não vamos ter o piso vermelho de volta amanhã, então temos que nos adaptar ao azul e às suas condições da melhor maneira possível e esperar uma mudança no próximo ano", completou.

Na quinta-feira, Nadal jogará contra seu compatriota Fernando Verdasco, que superou o colombiano Alejandro Falla por 6-7, 6-4 e 6-4.

O norte-americano John Isner, oitavo cabeça de chave, foi a primeira vítima significativa do torneio após ser derrotado pelo croata Marin Cilic por 7-6 e 7-6.

 
Rafael Nadal celebra em vitória sobre Nikolay Davydenko no Masters de Madri nesta quarta-feira. REUTERS/Andrea Comas