Puyol não jogará a Euro, dizem médicos após cirurgia

sábado, 12 de maio de 2012 17:21 BRT
 

BARCELONA, 12 Mai (Reuters) - O capitão do Barcelona e zagueiro da seleção espanhola Carles Puyol ficará fora de ação por seis semanas e perderá a Euro 2012 após a bem-sucedida cirurgia no seu joelho direito lesionado, confirmaram no sábado os médicos.

Descrito pelo treinador da Espanha, Vicente del Bosque, como "parte da alma do time", Puyol passou por uma artroscopia para retirar um fragmento de cartilagem que se soltou e deve ser liberado do hospital no domingo, disseram os médicos Ramon Cugat e Ricard Pruna em uma conferência de imprensa no estádio Camp Nou.

"O senso comum ditou que ele não poderia ir à Eurocopa," disse Cugat. "Por quê? Porque ele está contundido e passou por uma cirurgia hoje", acrescentou.

"Eu não sou aquele que decide, mas é de senso comum que ele não pode fazer isso. O que ele tem de fazer é se cuidar e voltar na próxima temporada."

A perda do talismã Puyol, que é muito respeitado por colegas e adversários, é um revés significativo para o campeão europeu e mundial, que começa a defender seu título continental contra a Itália em 10 de junho na Polônia.

Sua ausência provavelmente fará com que Del Bosque escale Sergio Ramos do Real Madrid ao lado de Gerard Piqué do Barça na zaga, com Javi Martinez do Athletic Bilbao como outra opção.

Pruna também foi perguntado sobre o zagueiro francês do Barça, Abidal, que passou por um transplante de fígado no mês passado e disse que o atleta poderá deixar o hospital provavelmente na próxima semana.

"Pouco mais de um mês atrás ele fez um transplante", Pruna acrescentou. "O transplante ocorreu bem. Lento, mas bem. O jogador está bem e a liberação médica deverá acontecer na próxima semana. Então estamos felizes com o processo."

(Reportagem por Elena Gyldenkerne)