Seguranças dos Jogos em Londres são alertados para não exagerar

quinta-feira, 24 de maio de 2012 14:04 BRT
 

Por Avril Ormsby

LONDRES, 24 Mai (Reuters) - Seguranças particulares em serviço durante os Jogos Olímpicos de Londres em julho e agosto foram advertidos contra um comportamento excessivamente zeloso que pode indispor os fãs de esportes, informou a empresa responsável pelo treinamento nesta quinta-feira.

O dia de abertura de um grande evento pode ser tenso, como foi visto no início do revezamento da tocha olímpica esta semana, quando uma equipe de segurança da polícia escoltando os corredores agarrou um espectador que eles achavam que estava tentando alcançar a tocha e empurraram-no para um canto.

Mark Hamilton, o homem que conduz a equipe de segurança olímpica G4S que vai realizar vistorias e triagens semelhantes às dos aeroportos nos locais dos Jogos, disse que os guardas estavam sendo incentivados a participar junto com os espectadores.

"Eu acho que é muito relevante não reagir exageradamente às situações que surgirem no primeiro dia -para se certificar de que elas sejam devidamente avaliadas e que o processo de comunicação esteja trabalhando da forma que deveria de modo que as decisões sejam tomadas na hora certa e as pessoas ajam da maneira correta", disse o diretor a jornalistas.

Ele disse que os guardas tinham que ser minuciosos, mas que não poderia ser uma "experiência onerosa" para os fãs.

Ele sugeriu que os guardas podem ter agido exageradamente quando pararam fotógrafos que tiravam fotos em um trajeto público de uma área de checagem de veículos do Parque Olímpico.

"Não há dúvida de que é uma lição aprendida, para não criticar excessivamente os trabalhadores e os guardas envolvidos porque eles estão operando sob um regime onde reconhecimento hostil é algo que eles têm que estar cientes", disse ele.

"Como eles lidam com isso, e como eles conseguem isso e como eles relatam é obviamente algo na qual aprendemos uma lição."