24 de Maio de 2012 / às 18:04 / 5 anos atrás

Novo membro do COL quer agilizar comunicação com Fifa sobre Copa

RIO DE JANEIRO, 24 Mai (Reuters) - O novo integrante do comitê organizador da Copa do Mundo de 2014 (COL), o secretário executivo do ministro do Esporte Luis Fernandes, afirmou nesta quinta-feira que pretende ser um interlocutor entre a Fifa e o governo na preparação do Brasil para o evento e rechaçou a imagem de interventor nomeado pela presidente Dilma Rousseff para atuar no COL.

"Meu papel é de facilitar a integração dos atores. Isso é o principal.Vamos ter um ganho de eficiência da execução e na qualidade do planejamento. Isso é feito agora em conjunto. O objetivo de todos é o mesmo: a realização de uma excelente Copa do Mundo", disse ele a jornalistas.

Recentemente, o presidente da Fifa, Joseph Blatter, declarou que Fernandes seria uma espécie de carteiro para a entidade poder acompanhar mais de perto o ritmo de obras no Brasil.

"Carteiro é uma função muito nobre e não me sinto diminuído por isso. O evento é complexo e boa parte da solução de desafios depende do poder público", afirmou. "Se a presença do poder público no comitê organizador local agilizar a comunicação entre os entes da parceria do evento isso é muito positivo. Ter uma representação no COL que pode encaminhar imediatamente uma solução é melhor que o COL reportar a Zurique e depois Zurique reportar ao governo brasileiro para superar os desafios", acrescentou ele.

Fernandes foi indicado para o cargo no início de maio durante uma visita do ministro dos Esportes, Aldo Rebelo, e membros da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e do COL à sede da Fifa, na Suíça.

A indicação dele foi interpretada inicialmente como uma intervenção do governo no órgão, que era até pouco tempo comandado pelo ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) Ricardo Teixeira.

O novo presidente da CBF, José Maria Marin, é o atual presidente do COL e o presidente da Federação Paulista de Futebol, Marco Polo del Nero, também passou a integrar o COL por ser o representante do Brasil na Fifa por indicação da Conmebol. Os ex-jogadores Bebeto e Ronaldo completam o conselho do COL.

"Não sou xerife, interventor. Queria desconstruir essa imagem e isso não corresponde à decisão tomada de se ter uma maior integração entre todos envolvidos na Copa", destacou.

"DENTRO DO CRONOGRAMA"

Fernandes não concordou com as críticas à preparação do Brasil para o Mundial após balanço divulgado pelo governo na quarta-feira, segundo o qual somente 5 por cento das obras, incluindo arenas, mobilidade urbana, aeroportos e outros, estão concluídas. De todas as obras planejadas para a Copa de 2014, quase 41 por cento ainda não saíram do papel.

"Disseram que foi só 5 por cento, mas eu diria que já foram 5 por cento das obras essenciais dois anos antes da Copa", disse. "A evolução está dentro do cronograma esperado para ter todas as obras essenciais a tempo e com qualidade."

O representante do governo federal chegou a dizer que o ritmo de obras do Brasil para o Mundial está mais adiantado do que de outros países que organizaram Copas do Mundo. "Eu duvido que em experiências de Copas anteriores com dois anos de antecedência obras de infraestrutura essenciais estivessem prontas nesse período", afirmou Fernandes.

Uma nova matriz de responsabilidade com o andamento das obras será divulgada em outubro e vai incluir o setor de serviços e obras de telecomunicação.

Fernandes admitiu que obras de mobilidade urbana são a maior preocupação no momento para a organização do mundial. "Há preocupação com algumas obras de mobilidade urbana que estão sendo mais analisadas", finalizou ele, sem citar onde as obras estão atrasadas.

Por Rodrigo Viga Gaier

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below