Morre boxeador Johnny Tapia aos 45 anos nos EUA

segunda-feira, 28 de maio de 2012 18:09 BRT
 

Por Zelie Pollon

SANTA FE, Estados Unidos, 28 Mai (Reuters) - O pentacampeão mundial de boxe Johnny Tapia foi encontrado morto em sua casa em Albuquerque, no Novo México, Estados Unidos, disseram autoridades nesta segunda-feira. Ele tinha 45 anos.

Tapia, que era famoso tanto pelo uso de cocaína e infância trágica como pelo seu talento no boxe, foi encontrado morto na noite de domingo, segundo a polícia. A causa da morte ainda não era conhecida.

A polícia de Albuquerque foi chamada na noite de domingo, quando encontraram o boxeador inconsciente, disse o porta-voz policial Robert Gibbs. Tapia morreu mais tarde.

Com a tatuagem "My Crazy Life" (Minha Vida Louca), Tapia ganhou destaque nos anos 1980 e ganhou cinco campeonatos mundiais de boxe em três classes: peso-pena, peso-leve e peso-mosca.

Seus registros profissionais são 59 vitórias, cinco derrotas e dois empates. Trinta de suas vitórias foram por nocaute.

Tapia nasceu e foi criado em Albuquerque, Novo México. O pai foi assassinado quando mãe estava grávida dele. Sua mãe foi brutalmente morta quando ele tinha 8 anos.