Murray tem vitória sofrida e Nadal vence com facilidade em Paris

quinta-feira, 31 de maio de 2012 16:47 BRT
 

Por Clare Fallon

PARIS, 31 Mai (Reuters) - Fazendo caretas de dor, o tenista britânico Andy Murray, quarto colocado no ranking mundial, passou para a terceira rodada do Aberto da França na quinta-feira ao derrotar o finlandês Jarkko Nieminen por 1-6, 6-4, 6-1 e 6-2, apesar de um problema nas costas.

O avanço do campeão do torneio no ano passado, Rafael Nadal, foi muito mais suave. O espanhol, que busca o heptacampeonato em Roland Garros, aniquilou o uzbeque Denis Istomin por 6-2, 6-2 e 6-0.

Na terceira rodada, Nadal e Murray terão a companhia do francês Jo-Wilfried Tsonga, quinto colocado no ranking mundial, que voltou à quadra para finalizar uma partida que havia sido suspensa à noite por causa da chuva, e derrotou o alemão Cedrik-Marcel Stebe por 6-2, 4-6, 6-2 e 6-1.

Murray foi semifinalista no ano passado - em seu melhor resultado no Grand Slam no saibro -, mas parecia estar diante de uma provável saída antecipada no primeiro set da partida na quadra Philippe Chatrier.

Ele chamou o treinador três vezes e se deitou enquanto era massageado nas costas, depois se levantou de novo e se mexia sem muita flexibilidade na quadra.

Nieminem, no entanto, foi incapaz de aproveitar a situação e, com o avanço da partida, Murray se soltou e começou a jogar melhor, enquanto o finlandês, no 48o lugar do ranking, começou a errar.

Nadal, que venceu no saibro em Monte Carlo, em Roma e em Barcelona nesta temporada, agora enfrentará o alemão Florian Mayer ou o argentino Eduardo Schwank.

Sexto colocado no ranking, o espanhol David Ferrer venceu por 6-3, 6-3 e 6-2 o francês Benoit Paire e agora jogará com o russo Mikhail Youzhny, 27o colocado.

 
O britânico Andy Murray devolve a bola ao finlandês Nieminen Jarkko Niemin durante o Aberto da França em Roland Garos em Paris, 31 de maio de 2012. REUTERS/François Lenoir