C. Ronaldo é ótimo, mas "faltou eficiência", diz técnico de Portugal

quarta-feira, 13 de junho de 2012 20:39 BRT
 

LVIV, 13 Jun (Reuters) - Cristiano Ronaldo é um grande jogador, mas foi "ineficiente" em momentos decisivos, disse o técnico da seleção portuguesa, Paulo Bento, tentando sair em defesa do jogador após uma atuação apagada na vitória de 3 x 2 sobre a Dinamarca, pela Eurocopa 2012.

Ronaldo teve boas chances de marcar, uma delas cara-a-cara com o goleiro, mas falhou nas finalizações.

Bento admitiu que o time poderia ter vencido com menos sofrimento, e negou que Ronaldo estivesse frustrado ou sentindo a pressão.

"Ele é um jogador com enorme habilidade, que não foi eficiente em um par de situações na qual se encontrou", disse Bento a jornalistas. "Ele jogou duas boas partidas. Não há um só jogador entre os 23 do elenco que sinta qualquer sensação de frustração, todos eles têm sensações de felicidade e satisfação, e um senso de responsabilidade pelo jogo dentro de quatro dias."

"Ele não está sob pressão da nossa parte, ele está aqui para resolver os nossos problemas", acrescentou o treinador.

O zagueiro Pepe também ficou ao lado do capitão.

"Cristiano Ronaldo é o melhor jogador do mundo, mas até o melhor erra, então estamos aqui para apoiá-lo. Ele é só um jogador a mais no time, não pode carregar Portugal nas costas. Foi a vez dele de cometer um erro hoje, mas ele ajudou a tornar possível para nós estarmos aqui."

A vitória de Portugal saiu só aos 43 minutos do segundo tempo, num gol do reserva Silvestre Varela, logo depois de o time ceder o empate.