Casillas, o 'São Iker', salva de novo a Espanha

segunda-feira, 18 de junho de 2012 20:28 BRT
 

GDANSK, 18 Jun (Reuters) - A Espanha venceu a Croácia na segunda-feira pelo placar mínimo e passou às quartas de final da Eurocopa, num jogo em que o goleiro e capitão Iker Casillas foi o grande destaque.

No puro reflexo, Casillas salvou uma cabeçada de Ivar Rakitic aos 14 minutos do segundo tempo no estádio PGE Arena, em Gdansk. O gol do jogo foi marcado aos 43 pelo reserva Jesús Navas.

Uma derrota contra os croatas teria eliminado a Espanha - atual campeã mundial e europeia.

Casillas já havia recebido o apelido de "são Iker" por defesas antológicas em outras partidas da seleção - especialmente por evitar um gol de Arjen Robben na final da Copa de 2010, contra a Holanda.

"Sabíamos que eles não iriam ficar sentados, e esperávamos que eles criassem chances", disse o treinador da Espanha, Vicente del Bosque, em entrevista coletiva. "Eles tiveram uma oportunidade excelente, mas é para isso que Iker está lá, e ele lidou muito bem com isso."

Enquanto Del Bosque manteve seu habitual tom irritadiço, o técnico croata, Slaven Bilic, foi bem mais efusivo nos elogios a Casillas. "O que podemos dizer dele? Ele é provavelmente um dos melhores jogadores dos últimos dez anos", afirmou o treinador, que se despediu da seleção croata para treinar o Lokomotiv de Moscou.

"Ele é o líder do time, e foi um herói para eles nesta noite", acrescentou. "Rakitic teve uma grande chance clara, e fez tudo certo, mas não é fácil quando se está diante de Casillas."

A Espanha terminou o Grupo C em primeiro lugar, com sete pontos, à frente da Itália, com cinco. Croácia (quatro pontos) e Irlanda (zero) estão eliminadas.

A "Fúria" enfrentará o segundo colocado do Grupo D - França, Inglaterra ou Ucrânia.

(Por Iain Rogers)