PERFIL-Estrela do vôlei de praia dos EUA tenta 3o ouro em Londres

sexta-feira, 6 de julho de 2012 15:20 BRT
 

Por Mark Lamport-Stokes

SAN JOSÉ, 6 Jul (Reuters) - Impensável após os Jogos de Pequim quatro anos atrás, a perspectiva de conquistar uma inédita terceira medalha de ouro olímpica nos Jogos de Londres se tornou a força motora da jogadora de vôlei de praia Misty May-Treanor.

A norte-americana tem mais de 100 títulos em competições dentro e fora dos Estados Unidos e se tornou a atleta mais bem sucedida da modalidade em todos os tempos. Mas isso ainda não é o suficiente.

Quando May-Treanor enfim se aposentar das competições após a Olimpíada de Londres, quer deixar o esporte no auge da glória, tendo estabelecido recordes com sua parceira de longa data, Kerri Walsh, que nunca serão igualados.

"Seria uma ótima maneira de me despedir", disse May-Treanor, de 34 anos, à Reuters quando indagada sobre o significado de conquistar um terceiro ouro olímpico em parceria com Walsh em Londres.

"Criamos padrões para outros seguirem e estabelecemos recordes que podem ser quebrados. São grandes coisas, mas queremos ser uma equipe lendária, inalcançável", acrescentou.

"O simples fato de conseguirmos ainda estar no topo já é ótimo, mas queremos uma trinca de vitórias, algo que talvez nenhuma outra equipe possa conseguir no vôlei".

A dupla se formou após a temporada de 2000 e conquistou o ouro olímpico em Atenas-2004 e novamente em Pequim-2008, antes de se separar para seguir outros interesses.

Walsh e seu marido decidiram começar uma família, enquanto May-Treanor participou do popular programa de TV "Dancing With The Stars" e embarcou em um mestrado em treinamento e administração atlética.   Continuação...

 
A norte-americana Misty May-Treanor salta para alcançar a bola durante uma partida contra o Brasil em Klagenfurt na Alemanha. 4/08/2007 REUTERS/Dominic Ebenbichler