Londres deve ter menos chuvas até Jogos, mas sem onda de calor

terça-feira, 17 de julho de 2012 14:56 BRT
 

Por Martyn Herman

LONDRES, 17 Jul (Reuters) - Os atletas que chegam à Grã-Bretanha para os Jogos Olímpicos de Londres podem não precisar de guarda-chuvas reforçados com o tempo mais seco previsto até o começo das Olimpíadas, mas um protetor solar fator 50 também não será necessário.

Depois do clima excepcionalmente úmido durante meses, as nuvens estavam maiores e mais claras e havia até pontos de céu azul conforme os atletas faziam o check-in na Vila Olímpica nesta terça-feira.

Embora o Met Office, responsável pela meteorologia, tenha confirmado que havia alguns sinais encorajadores, a melhora veio tarde demais para convencer alguns dos melhores atletas da China a chegar cedo.

O principal corredor de obstáculos chinês Liu Xiang, de acordo com seu treinador, havia seguido para a Alemanha para se preparar ao invés de arriscar distender um músculo na busca pelo ouro nos 110 metros com barreiras.

Ele desistiu da final da corrida com obstáculos na Liga Diamante em Londres, no Crystal Palace, no sábado passado depois de reclamar de dores musculares, antes de deixar a capital.

"Outras equipes chinesas também escolheram mudar suas bases graças ao frio de Londres, então Liu Xiang não é o único", disse o treinador Sun Haiping ao site do China Daily.

A Grã-Bretanha poderá ter o pior verão de sua história recente, com os dias quentes e ensolarados podendo ser contados nos dedos de uma mão até agora.

O fisiologista Steve Ingham, do Instituto Inglês, disse que para os eventos curtos, explosivos, tais como as corridas, os músculos precisam estar aquecidos, porque a contração é, então, mais eficiente.   Continuação...