Brasil vence Grã-Bretanha por 2 x 0 em último teste para Olimpíada

sexta-feira, 20 de julho de 2012 18:02 BRT
 

20 Jul (Reuters) - No último amistoso antes da estreia nos Jogos Olímpicos de Londres, a seleção brasileira derrotou a Grã-Bretanha por 2 x 0 em Middlesbrough nesta sexta-feira e mostrou bom poder ofensivo.

Os gols brasileiros foram marcados por Sandro, de cabeça, e Neymar, em cobrança de pênalti, ambos no primeiro tempo.

O técnico Mano Menezes escalou a equipe que deverá ser a titular na busca pela medalha de ouro olímpica inédita para o futebol: Rafael Cabral; Rafael, Thiago Silva, Juan e Marcelo; Sandro, Rômulo e Oscar; Hulk, Leandro Damião e Neymar.

A equipe brasileira dominou a maior parte do jogo e não teve dificuldades para derrotar os britânicos.

O Brasil teve uma chance clara logo aos 6 minutos, quando o atacante Neymar apareceu livre diante do goleiro britânico após desvio de cabeça de Hulk, mas chutou por cima.

E o time não demorou muito para abrir o placar. Aos 12, Neymar cobrou falta da intermediária e o volante Sandro completou de cabeça para as redes.

O segundo gol veio aos 35 minutos em cobrança de pênalti de Neymar. Ele bateu bem a penalidade, marcada depois que Hulk foi derrubado na área em jogada pela direita.

No segundo tempo, o Brasil continuou mais no ataque, porém o goleiro Rafael teve que trabalhar num cruzamento rasteiro que achou o atacante Bellamy. Ele desviou dentro da pequena área e o goleiro defendeu à queima-roupa aos 12 minutos.

Lucas e Paulo Henrique Ganso entraram na metade do segundo tempo nos lugares de Oscar e Hulk. Alexandre Pato, Alex Sandro e Danilo ainda substituiram Damião, Marcelo e Sandro, respectivamente. Os brasileiros continuaram pressionando, mas pararam nas defesas do goleiro britânico.

"Estou muito feliz pela partida do time. O Brasil tem um time excelente, independentemente de quem entra, o Ganso, o Pato, o Lucas", disse Neymar após o jogo.

A estreia nos Jogos acontece na próxima quinta-feira contra o Egito. Ainda pela primeira fase o Brasil enfrentará Nova Zelândia e Belarus.

 
Neymar comemora gol do Brasil em amistoso contra Grã-Bretanha nesta sexta-feira. REUTERS/Nigel Roddis