Vitória de ciclista aumenta esperança de britânicos nos Jogos

segunda-feira, 23 de julho de 2012 10:41 BRT
 

Por Mike Collett-White e Estelle Shirbon

LONDRES, 23 Jul (Reuters) - A Grã-Bretanha se deleitou com o triunfo histórico de Bradley Wiggins na Volta da França nesta segunda-feira e espera animada por novos êxitos esportivos na Olimpíada, alimentando as esperanças da nação após a acidentada preparação para os Jogos de 2012.

Mas como lembrete dos desafios logísticos que Londres encara para sediar o maior espetáculo da Terra, usuários do envelhecido metrô relataram grandes atrasos e o sindicato de transportes RMT conclamou uma nova, embora limitada, greve.

O presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Jacques Rogge, foi ao ar para garantir aos 11 milhões de portadores de ingressos que os Jogos entre os dias 27 de julho e 12 de agosto serão seguros, mesmo depois que o fracasso da empresa de segurança privada G4S em fornecer funcionários suficientes provocou um debate acalorado entre políticos e a mídia na Europa.

Milhares de soldados extras foram recrutados para preencher a lacuna no evento no qual as preocupações com segurança são especialmente grandes - 2012 é o 40º aniversário do ataque de 1972 em Munique, quando militantes palestinos mataram 11 atletas israelenses.

'Estamos confiantes em que a segurança será muito, muito boa', disse Rogge à TV BBC.

'Acho que temos que seguir em frente. O problema foi identificado, foi abordado de boa maneira', acrescentou.

'Estou interessado em saber se os arranjos de segurança estão bem, e estão. Não vamos sair apontando dedos porque é inútil'.

Mais de 16 mil atletas de 204 países irão competir em toda a Grã-Bretanha durante a Olimpíada, que será acompanhada por milhões de torcedores e bilhões de telespectadores na TV e na Internet ao redor do planeta.   Continuação...