Bandeira trocada foi "simples erro humano", diz chefe do COI

quinta-feira, 26 de julho de 2012 09:07 BRT
 

LONDRES, 26 Jul (Reuters) - O incidente diplomático causado quando a seleção feminina de futebol da Coreia do Norte saiu do campo, depois da exibição da bandeira sul-coreana, foi um "simples erro humano", disse o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Jacques Rogge, nesta quinta-feira.

A partida de quarta-feira entre a Coreia do Norte e a Colômbia em Glasgow, na Escócia, foi atrasada em uma hora por causa do incidente.

"Não houve conotação política", afirmou Rogge durante a última sessão do COI antes da cerimônia de abertura da Olimpíada de Londres na sexta-feira.

"O comitê organizador tomou medidas corretivas e isso não se repetirá. Foi um simples erro humano".

(Por John Mehaffey)