Corredor marroquino Laalou é flagrado no doping

sexta-feira, 3 de agosto de 2012 17:06 BRT
 

LONDRES, 3 Ago (Reuters) - O corredor marroquino de média distância Amine Laalou foi banido da Olimpíada de Londres depois de ser flagrado em um teste de doping, disse uma autoridade da delegação do Marrocos nesta sexta-feira.

O vice-secretário da Federação Marroquina de Atletismo, Mohammed Nouri, confirmou em Rabat que Laalou foi suspenso.

Laalou, de 30 anos, estava escalado para a segunda bateria da prova masculina dos 1.500m na sexta, mas não apareceu entre os competidores.

O jornal francês L'Équipe relatou que Laalou testou positivo para a substância proibida furosemide em um evento em Mônaco em 20 de julho.

Laalou chegou em quarto na ocasião e foi o sexto homem mais veloz nessa prova de distância este ano.

O teste positivo de Laalou veio dias depois de a compatriota Mariem Alaoui Selsouli, grande favorita para os 1.500m em Londres após conquistar a medalha de prata no campeonato mundial deste ano, também ser flagrada com o diurético proibido, em 6 de julho.

Ele é o quinto atleta a ficar fora dos Jogos devido ao doping desde o início do período dos testes olímpicos em 16 de julho.

A corredora russa Victoria Baranova, a ginasta uzbeque Luiza Galiulina, o levantador de peso albanês Hysen Pulaku e a corredora Tameka Williams, de São Cristóvão e Nevis, já foram expulsos de Londres 2012)

(Por Mohammed Msyieh no Marrocos)