August 6, 2012 / 1:37 PM / 5 years ago

Zanetti ganha ouro, 1a medalha da ginástica do Brasil em Olimpíadas

3 Min, DE LEITURA

Arthur Nabarrete Zanetti comemora medalha de ouro nas argolas na Arena North Greenwich durante os Jogos Olímpicos de Londres. O brasileiro superou o chinês campeão olímpico e tetracampeão mundial Yibing Chen, que terminou com a medalha de prata. O italiano Malteo Morandi ficou com o bronze. 06/08/2012Mike Blake

Por Pedro Fonseca

LONDRES, 6 Ago (Reuters) - O ginasta Arthur Zanetti superou o chinês tetracampeão mundial e campeão em Pequim-2008 Chen Yibing e conquistou a medalha de ouro das argolas nos Jogos de Londres, nesta segunda-feira. Foi a primeira medalha da ginástica do Brasil em Jogos Olímpicos.

O brasileiro, de 22 anos, recebeu nota 15.900 por sua apresentação, a última entre os oito finalistas na North Greenwich Arena, e conseguiu uma revanche sobre o chinês, que havia o derrotado no Mundial do Japão, no ano passado.

Chen terminou com a medalha de prata, com nota 15.800, enquanto o italiano Malteo Morandi ficou com o bronze com a nota 15.733.

"Eu queria muito ganhar essa medalha, não só para mim, mas também para a ginástica", disse o atleta após a vitória. "Eu espero que a ginástica mude (com a medalha)", acrescentou Zanetti, que se esforçou para conter as lágrimas durante a cerimônia de premiação, ao beijar a medalha.

Zanetti, que teve a mesma nota de partida que o chinês e levou o ouro por ter sido superior na execução dos movimentos, utilizou uma estratégia nas eliminatórias de apresentar uma série mais fraca para não ficar em 1o lugar, que ficou com o chinês.

Estava definido que o 1o classificado abriria a final olímpica e o brasileiro queria poder fazer sua apresentação sabendo o que os adversários tinham apresentado, exatamente como aconteceu.

"Eu vi que ele tinha feito uma nota muito boa como sempre faz mas sabia que fazendo a minha série muito bem também eu podia conquistar essa medalha", disse Zanetti, que foi o atleta mais aplaudido pelo público em sua apresentação nas argolas. Logo ao terminar sua performance, ele vibrou, mostrando-se satisfeito com seu desempenho.

Chen também tinha comemorado ao encerrar sua série e ao receber a nota dos jurados, inclusive fazendo um número 1 com o dedo indicador, após uma apresentação que aparentemente lhe garantiria o bicampeonato olímpico.

Nenhum dos seis ginastas da sequência na final das argolas conseguiu superá-lo na classificação, até que Zanetti realizou quase com perfeição a série que treina diariamente desde março para conquistar o 2o ouro do Brasil na Olimpíada -- a judoca Sarah Menezes conquistou o primeiro, na semana passada.

"Fiquei surpreso, achei que a minha apresentação seria suficiente para o ouro", reconheceu Chen a repórteres, após sua última participação olímpica. Ele foi campeão por equipes com a China em Londres.

O ouro de Zanetti é a 8a medalha do Brasil nos Jogos Olímpicos de Londres. Os atletas brasileiros também ganharam uma prata e cinco medalhas de bronze.

Nome menos badalado da ginástica brasileira, se comparado com os irmãos Daniele e Diego Hypólito e com Daiane dos Santos, Zanetti chega ao lugar mais alto do pódio em sua primeira participação em Olimpíadas.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below