Especialista chinês nas argolas lamenta derrota para brasileiro

segunda-feira, 6 de agosto de 2012 16:23 BRT
 

Por Ian Ransom

LONDRES, 6 Ago (Reuters) - O ginasta chinês Chen Yibing beijou sua medalha de prata e saudou a plateia, mas admitiu ter se sentido injustiçado pelos juízes ao ser batido pelo brasileiro Arthur Zanetti nas argolas em sua última Olimpíada nesta segunda-feira.

Chen, de 27 anos, tricampeão olímpico e apelidado de 'Rei das Argolas' por seus ardorosos fãs chineses, parecia ter o título nas mãos depois de uma ótima apresentação e uma aterrissagem firme.

Mas Chen ficou boquiaberto quando o brasileiro, o último competidor no aparelho, marcou 15.900 pontos e o superou por 0,1 ponto, apesar de dar um passo ao lado quando aterrissou.

"Ainda é bom, é uma medalha de prata", disse o chinês à Reuters com uma risada.

"Fiquei um pouco surpreso... quando o vi fazer um pouso imperfeito, pensei que o tinha derrotado. Mas quando surgiu o placar, ele apareceu como vencedor. Mas ainda tenho que cumprimentá-lo. Eu realmente fiz meu melhor hoje."

Chen beijou a estrutura vermelha do aparelho depois de sua rotina e mostrou o dedo com o 'número um' para as câmeras de TV, mas saiu da arena como vice e foi interrogado demoradamente por uma massa de repórteres chineses.

Ele anunciou prontamente sua aposentadoria.

"Decidi antes desta Olimpíada, porque meu corpo tem algumas lesões e há muitos novos talentos surgindo", afirmou.   Continuação...