Italiano campeão olímpico de marcha é excluído da Olimpíada por doping

segunda-feira, 6 de agosto de 2012 17:26 BRT
 

Por Naomi O'Leary

ROMA, 6 Ago (Reuters) - O italiano Alex Schwazer, campeão olímpico da marcha atlética de 50km, foi excluído da Olimpíada de Londres nesta segunda-feira depois de ser flagrado em um teste de doping.

"Cometi um erro. Minha carreira acabou", disse Schwazer, que levou o ouro em Pequim-2008, à agência de notícias italiana Ansa.

"Quis ficar mais forte para esta Olimpíada, foi um equívoco."

A confirmação veio depois que o Comitê Olímpico Italiano (Coni) disse ter excluído um atleta devido a "um resultado adverso de um teste antidoping".

Schwazer se tornou um herói na Itália depois de conquistar o ouro olímpico diminuindo em mais de um minuto o recorde de Vyacheslav Ivanenko, que durava 20 anos, em condições desafiadoras.

Schwazer, que estabeleceu o recorde italiano na marcha de 20km em março, era uma das esperanças de medalha de ouro de seu país.

Os italianos rapidamente foram à página do atleta no Facebook, onde ele tem mais de 8 mil fãs, para demonstrar sua decepção e sua raiva.

"É melhor chegar em último pelos seus próprios esforços do que vencer com ajuda. Que vergonha!", escreveu um.

No mês passado, Schwazer disse que não competiria nos 20km e que se concentraria nos 50km, afirmando ter tomado a decisão com os técnicos da equipe depois de sofrer uma gripe.

(Com reportagem de Luca Trogni em Milão)