Brasil supera Rússia em jogo dramático e vai à semi no vôlei feminino

terça-feira, 7 de agosto de 2012 17:14 BRT
 

Por Pedro Fonseca

LONDRES, 7 Ago (Reuters) - O Brasil jogou como atual campeão olímpico na hora que precisava e, depois de salvar seis match points, derrotou a Rússia por 3 sets a 2 e se classificou para as semifinais dos Jogos de Londres, nesta terça-feira, enterrando uma primeira fase em que esteve à beira de ser eliminado.

"Foi uma das mais lindas vitórias que esse time já teve. O time da Rússia é muito bom ... Hoje a gente saiu de várias situações difíceis. Em jogos assim o time cresce. As jogadoras cada vez criam mais personalidade", disse o técnico José Roberto Guimarães, aliviado após a partida.

O adversário da semifinal será o Japão, que venceu a China, também no tiebreak. O retrospecto brasileiro é de três vitórias em três jogos contra as japonesas em Olimpíadas.

"A gente já tem que começar a pensar no Japão, mas não me pergunta nada do Japão agora, quero curtir um pouco essa vitória", declarou o treinador brasileiro.

A vitória contra a Rússia, com parciais 24-26, 25-22, 19-25, 25-22 e 21-19, foi uma revanche dos Jogos de Atenas-2004, quando o Brasil estava com vantagem de 24-19 no quarto set da semifinal, perdeu todos os match points e acabou derrotado.

As russas também superaram as brasileiras nas finais dos Mundiais de 2006 e 2010.

"Estava entalado, esse jogo era muito importante para a gente. Não só o fato de passar para a semifinal, mas de passar o estigma que muita gente diz que o Brasil não ganha da Rússia", disse o técnico.

"A gente não pode esquecer a Olimpíada de Pequim, que a gente ganhou de 3 a 0", acrescentou Zé Roberto, lembrando do título brasileiro na Olimpíada passada.   Continuação...

 
A brasileira Sheilla Castro (à esquerda, embaixo) defende a bola contra a russa Nataliya Goncharova durante as quadras de final de vôlei durante as Olimpíadas de 2012 em Londres, no Reino Unido. 7/08/2012 REUTERS/Ivan Alvaredo