August 8, 2012 / 6:58 PM / 5 years ago

Lucas deixa São Paulo e vai para o PSG pelo valor recorde de R$108 mi

2 Min, DE LEITURA

SÃO PAULO, 8 Ago (Reuters) - O São Paulo confirmou nesta quarta-feira a venda do meia-atacante Lucas para o Paris Sant-Germain (PSG) pelo valor recorde de 108,3 milhões de reais, a maior quantia paga a um clube brasileiro.

O atleta de 19 anos, que disputa os Jogos Olímpicos de Londres com a seleção brasileira, só vai se apresentar ao time francês em janeiro de 2013.

"O São Paulo FC deseja que Lucas tenha o mais retumbante sucesso nessa nova etapa de sua carreira. Mais do que isso, confia plenamente que esse sucesso se dará, uma vez que o atleta está absolutamente pronto para que isso aconteça", informou o clube paulista em seu site.

Lucas, um jogador habilidoso com boa finalização ao gol, não conquistou títulos importantes com o São Paulo, mas suas atuações levaram clubes europeus a fazerem propostas, incluindo o Manchester United.

A equipe do PSG, que tem feito um alto investimento na contratação de jogadores, informou que Lucas, um dos jovens mais promissores do futebol brasileiro, terá um contrato de quatro anos e meio.

"Ao contratar um jovem talento da qualidade de Lucas, o Paris Saint-Germain já está se preparando para o futuro", disse o clube francês, que tem o brasileiro Leonardo como dirigente.

No PSG, Lucas se juntará ao compatriota Thiago Silva, zagueiro e capitão da seleção olímpica, recém contratado junto ao Milan pelo valor de 40 milhões a 45 milhões de euros.

Outra grande contratação do time francês foi o atacante sueco Zlatan Ibrahimovic, de 30 anos, que também estava no Milan.

Com financiamento de um fundo de investimentos do Catar, o PSG terminou em segundo lugar no Campeonato Francês passado e assegurou vaga na próxima Liga dos Campeões.

A equipe há havia contratado na temporada anterior o armador argentino Javier Pastore, assim como o zagueiro brasileiro Alex e o meia brasileiro naturalizado italiano Thiago Motta. No entanto, as tentativas de contratar David Beckham e Carlos Tevez fracassaram, apesar da presença do novo técnico Carlo Ancelotti.

Reportagem de Tatiana Ramil

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below