Brasil é eliminado pela Argentina no basquete

quarta-feira, 8 de agosto de 2012 20:12 BRT
 

Por Pedro Fonseca

LONDRES, 8 Ago (Reuters) - A primeira vez do Brasil no basquete masculino em uma Olimpíada após 16 anos de ausência chegou ao fim com uma derrota por 82 a 77 para a arquirrival Argentina pelas quartas de final dos Jogos de Londres, nesta quarta-feira, que encerrou a expectativa do país de voltar a conquistar uma medalha olímpica no esporte, o que não acontece desde 1964.

Comandado pelo técnico argentino Rubén Magnano, que levou a seleção da Argentina ao ouro olímpico nos Jogos de Atenas-2004, o Brasil tinha expectativa de repetir em Londres a vitória que obteve sobre os rivais no pré-olímpico das Américas, realizado em solo argentino em 2011.

No entanto, apesar de terem vencido o primeiro quarto por 26 a 23, com uma atuação impressionante do armador Marcelinho Huertas (13 pontos no quarto, com 3 cestas de 3 pontos), os brasileiros não conseguiram ser consistentes ao longo da partida.

O time, que chegou a estar perdendo por 15 pontos, ainda conseguiu encostar no placar nos minutos finais e ficou a dois pontos de empatar (70 a 68), mas erros ofensivos, especialmente de Alex e Leandrinho, impediram a equipe de buscar o empate e permitiram que a Argentina ampliasse a diferença de novo.

"Faltou um pouco de tudo no jogo mais importante da competição. A gente sabia que podia acontecer de perder, mas se tivessem acertado alguns dos arremessos que erramos teria sido um jogo bem diferente", disse o pivô Anderson Varejão após a partida.

Os argentinos assumiram a liderança a partir do 2o quarto, levando o jogo para o intervalo com 46 a 40 de vantagem, e a diferença passou para a casa dos dígitos duplos no período seguinte, quando os brasileiros cometeram erros seguidos de ataque.

Uma cesta de Juan Gutiérrez após um tiro de 3 pontos errado de Marcelinho Machado levou a diferença para 61 a 47, e o jogo parecia estar decidido a favor dos argentinos.

Liderado por Leandrinho, que fez 20 de seus 22 pontos nos dois últimos períodos do jogo, o Brasil encostou, mas não conseguiu virar o marcador. Huertas, também com 22 pontos, foi o outro cestinha da partida.   Continuação...

 
Tiago Splitter lamenta derrota do Brasil para a Argentina no basquete nos Jogos de Londres. REUTERS/Sergio Perez