Seleção feminina de futebol do Japão quer ouro e conforto

quinta-feira, 9 de agosto de 2012 10:31 BRT
 

9 Ago (Reuters) - A consagrada seleção feminina de futebol do Japão tem em mira mais do que a medalha de ouro na final do torneio olímpico contra os Estados Unidos no final desta quinta-feira.

Mais um ouro em adição ao de seu surpreendente triunfo na Copa do Mundo do ano passado, quando bateram as norte-americanas nos pênaltis na final, pode lhes render os melhores assentos no longo voo de volta para casa.

Autoridades japoneses foram acusadas de discriminação sexual por segregar suas seleções de futebol para a viagem aos Jogos de Londres.

Enquanto o time masculino voou na classe executiva, a equipe campeã "Nadeshiko" --nome de uma flor-- viajou na classe premium.

"Deveria ser o contrário", disse a meia-atacante Homare Sawa, que atuou na vitória sobre os EUA no Mundial de 2011.

"Além disso somos mais velhas", afirmou a jogadora do ano, de 33 anos, ao jornal Nikkan Sports.

"Depois que conquistamos a Copa do Mundo, eles mudaram nossas poltronas. Temos que conseguir o resultado que desejamos e fazê-los nos dar a mesma coisa desta vez."

(Por Alastair Himmer em Tóquio)