Jogadoras de vôlei desabafam após vitória do "cala boca"

sábado, 11 de agosto de 2012 20:20 BRT
 

LONDRES, 11 Ago (Reuters) - A quase eliminação na primeira fase e todas as críticas que acompanharam as atuações ruins da seleção feminina de vôlei ficaram engasgadas entre as jogadoras, que desabafaram após conquistarem o bicampeonato olímpico com uma vitória sobre os Estados Unidos, neste sábado.

As atletas brasileiras deixaram claro que a medalha era uma resposta a quem as considerou fora da disputa pelo ouro depois que o time chegou à última rodada da primeira fase dependendo de uma derrota da Turquia para os EUA para não ser eliminado.

"Acho que a gente calou a boca de muita gente que não acreditava na gente. Não tenho mais nada o que falar. Independentemente das pessoas estarem torcendo contra, a gente não desistiu em nenhum momento. Nos superamos acima das críticas do início do campeonato e estamos muito felizes", disse a ponteira Jaqueline, maior pontuadora da final olímpica, com 18 pontos.

Durante a primeira fase, as jogadoras da seleção reclamaram das críticas feitas na Internet por torcedores insatisfeitos com o rendimento do time, que chegou como campeão olímpico mas perdeu dois de cinco jogos na fase de grupos.

O momento de virada da equipe, que foi descrita pelo técnico Zé Roberto Guimarães como uma "fênix que ressurgiu das cinzas", aconteceu na partida de quartas de final contra a Rússia. As brasileiras salvaram seis match points no tiebreak e conseguiram uma revanche contra o time que as eliminou nas semifinais de Atenas-2004.

"Não precisa falar mais nada, a medalha de ouro já responde. É só mostrar que já esta respondida qualquer crítica", disse a meio de rede Thaisa.

(Reportagem de Pedro Fonseca)