Juiz arquiva processo de Armstrong contra órgão antidoping

segunda-feira, 20 de agosto de 2012 18:37 BRT
 

20 Ago (Reuters) - Um juiz federal dos Estados Unidos arquivou na segunda-feira uma ação na qual o ex-ciclista Lance Armstrong tentava impedir uma investigação em que ele é suspeito de doping.

O juiz Sam Sparks, de Austin (Texas), já havia rejeitado uma ação semelhante no mês passado. Ele mandou arquivar a versão revisada das alegações "sem prejuízo", ou seja, os advogados de Armstrong ainda podem tentar outra vez.

O advogado de Armstrong não foi localizado para comentar.

As suspeitas de doping pairam constantemente sobre Armstrong, sete vezes campeão da Volta da França entre 1999 e 2005, quando chegou ao topo do ciclismo mundial depois de superar um câncer.

Em nota, Travis Tygart, executivo-chefe da Usada (agência antidoping dos EUA), se disse satisfeito com a decisão, e defendeu as práticas do órgão na investigação de suspeitas de doping, as quais segundo ele "protegem os direitos dos atletas há mais de uma década".

Em junho, a Usada - agência semigovernamental criada em 2000 pelo Congresso - acusou Armstrong de ter usado doping e participado de uma conspiração com membros de suas equipes. Cinco outros ciclistas foram acusados de conspirar com Armstrong ao longo de 14 anos para ocultar atividades ilícitas.

Em carta a Armstrong, a agência disse ter amostras sanguíneas de 2009 e 2010 que são "plenamente consistentes" com o doping.

(Por James B. Kelleher)