Mano convoca Arouca e Cássio para amistosos; Ganso fica fora

quinta-feira, 23 de agosto de 2012 17:12 BRT
 

RIO DE JANEIRO, 23 Ago (Reuters) - O volante Arouca, do Santos, e o goleiro Cássio, do Corinthians, são as principais novidades da seleção brasileira para os amistosos contra África do Sul e China, em setembro, na convocação anunciada nesta quinta-feira.

"Não é de hoje que vinha pensando no Arouca. E já havia deixado claro o meu desejo de convocá-lo", disse o técnico Mano Menezes em entrevista coletiva após a divulgação da lista, explicando que não houve possibilidade de chamar o volante do Santos em outras oportunidades.

Arouca chega à seleção para atuar, segundo o treinador, como segundo homem de meio-campo e melhorar a saída de bola do Brasil, um dos problemas nos Jogos Olímpicos de Londres.

Mano Menezes revelou ainda uma indecisão sobre o goleiro titular do Brasil. A seleção já teve Victor, Jefferson, além dos jovens que estiveram nas Olimpíadas: Gabriel, Rafael e Neto. A indefinição é um dos motivos que levaram à primeira convocação de Cássio. Os outros goleiros chamados são Diego Alves e Jefferson.

"Não temos unanimidade no gol. Temos grandes goleiros ... trabalhei com o Cássio no Grêmio, ele foi para a Holanda, teve bom retorno e está entre os nomes para ser uma opção que precisamos definir", afirmou o técnico.

"O Rafael (que foi cortado nos Jogos de Londres) vai ter outra passagem em breve", acrescentou.

Mano Menezes convocou 22 atletas e deixou o meia Paulo Henrique Ganso, do Santos, de fora, depois que ele foi pouco aproveitado nos Jogos de Londres, em que o Brasil foi derrotado pelo México na decisão e acabou com a medalha de prata.

"Conversei com o Ganso e falei que ele tem que tomar decisões em relação a ele mesmo. Contamos com ele e acreditamos, mas achamos que isso tem que ser definido sobre sua permanência ou não no Santos para voltar a ser o jogador que nos acostumamos a ver e com continuidade", avaliou o treinador, que não chamou o atacante Alexandre Pato, que sofreu nova contusão no Milan.

A seleção brasileira enfrenta no dia 7 de setembro a África do Sul, no estádio do Morumbi, em São Paulo, e três dias depois joga contra a China, no Estádio Arruda, em Recife.   Continuação...

 
O goleiro Cássio, convocado nesta quinta-feira para a seleção brasileira, comemora gol do Corinthians sobre o Boca Juniors na final da Copa Libertadores no dia 4 de julho. REUTERS/Junior Lago