2 de Setembro de 2012 / às 16:07 / 5 anos atrás

FÓRMULA 1-Button vence GP da Bélgica; Alonso fica fora por acidente

Por Alan Baldwin

SPA-FRANCORCHAMPS, Bélgica, 2 Set (Reuters) - Jenson Button venceu o Grande Prêmio da Bélgica neste domingo largando na pole position após um acidente logo na primeira curva que encerrou as esperanças de Lewis Hamilton, seu companheiro de McLaren, e de Fernando Alonso, que lidera o campeonato com a Ferrari.

Button passeou no circuito belga, recebendo a bandeirada 13,6 segundos à frente de Sebastian Vettel, da Red Bull, que venceu a mesma prova no ano passado também saindo em primeiro.

O finlandês Kimi Raikkonen deu a terceira colocação à Lotus.

Alonso, que largou com uma vantagem de 40 pontos sobre o australiano Mark Webber, da Red Bull, torcia por uma 24a chegada com pontos que igualaria o recorde da modalidade, mas viu o sonho se estilhaçar em uma nuvem de fibra de carbono em questão de metros.

Sua liderança foi reduzida para 24 pontos, e Vettel subiu para segundo na tabela. Webber caiu para terceiro, 32 pontos atrás do líder Alonso.

O espanhol pode ao menos se considerar sortudo por não ter sido atingido na cabeça pela Lotus do francês Romain Grosjean, cujo carro praticamente voou depois de bater com Hamilton e deixar Alonso fora da prova.

"Foi uma boa largada, e depois um grande estouro. Não vi a imagem, mas o principal é que estamos todos bem. Não sei se entrei rápido demais", disse Grosjean.

Sergio Pérez, da Sauber, também saiu da prova no mesmo incidente, uma péssima tarde para a equipe suíça depois de uma sessão de treino no sábado que prometia muito, já que seus dois carros ficaram nas duas primeira fileiras.

Kamui Kobayashi, o segundo piloto japonês a largar na primeira fila na história, foi igualmente atingido no caos da primeira volta, e mesmo tempo retornado à pista chegou na 13a colocação.

A 14a vitória da carreira de Button, e sua primeiro no circuito de Spa, veio em sua 50a corrida com a McLaren.

"Este circuito é tão especial para tantos pilotos, a maneira como o carro anda e sua história, que receber a bandeirada da vitória é muito especial", afirmou o campeão de 2009 após sua segunda vitória na temporada.

O alemão Nico Hulkenberg, da Force India, cruzou em quarto lugar, o melhor resultado de seu time na temporada, seguido do brasileiro Felipe Massa e de Webber.

O heptacampeão Michael Schumacher comemorou seu 300o GP com a sétima colocação para a Mercedes, depois de chegar a ficar em segundo no circuito onde começou sua carreira em 1991.

A dupla Jean-Eric Vergne e Daniel Ricciardo, da Toro Rosso, chegou em oitavo e nono, uma grande virada para a escuderia italiana às vésperas da prova em casa no GP de Monza do próxima final de semana.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below