October 9, 2012 / 6:13 PM / 5 years ago

Ex-técnico é condenado de 30 a 60 anos de prisão por abuso sexual nos EUA

3 Min, DE LEITURA

Por Ian Simpson e Dave Warner

BELLEFONTE, Estados Unidos, 9 Out (Reuters) - O ex-técnico de futebol americano da Universidade do Estado da Pensilvânia Jerry Sandusky foi condenado de 30 a 60 anos de prisão na terça-feira por abusar sexualmente de meninos jovens por mais de uma década.

A sentença do juiz John Cleland na Corte de Centre County pode colocar o treinador aposentado de 68 anos na prisão para o resto de sua vida.

Sandusky foi condenado por 45 acusações de abuso sexual contra 10 garotos ao longo de 15 anos, alguns em chuveiros da equipe de futebol.

"Seu crime é não só o que você fez com seus corpos, mas o seu ataque contra a mente e alma deles", afirmou o juiz ao réu. "A tragédia dessa história é que é uma de traição. Algumas de suas vítimas tinham uma afeição genuína por você."

"É justamente essa capacidade de esconder esses vícios de si mesmo e todos os outros que na minha visão o torna perigoso", disse.

Mas o juiz acrescentou: "Eu não vou condená-lo a séculos de prisão, mesmo que a lei me permita fazer isso."

O advogado de defesa de Sandusky, Joseph Amendola, disse que qualquer pena de prisão superior a 20 anos seria uma "sentença de morte" para seu cliente.

Sandusky, vestindo um uniforme de prisão vermelho, voltou a alegar sua inocência.

"Eu não cometi esses supostos atos repugnantes", disse no tribunal após ouvir as declarações das vítimas, que o acusaram de abuso anal e oral. "A dor continua enquanto eu penso naqueles que fizeram as acusações. São pessoas de quem eu gostava, e ainda gosto."

"Tentei trazer alegria, eu tentei fazer as pessoas darem risada", acrescentou ele sobre seu trabalho na organização de caridade The Second Mile, que ele fundou, e onde foi acusado de recrutar suas vítimas.

O promotor Joseph McGettigen leu as declarações de algumas das vítimas de Sandusky.

"Eu fui deixado com profundas feridas dolorosas que você causou, que estavam enterradas em meu coração por muitos anos", disse um deles.

Outro afirmou: "Eu nunca vou apagar as imagens de seu corpo nu sobre o meu .... Ele levou minha infância no dia que me violentou. "

Outro advogado da equipe de defesa de Sandusky, Karl Rominger, disse que iria apresentar um recurso à condenação nos próximos dez dias. A defesa alega que não teve tempo suficiente para se preparar para o caso de grande repercussão.

Sandusky foi preso há 11 meses e o julgamento começou em junho.

Reportagem adicional de Dave Warner e Mark Shade

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below