Armstrong deixa cargo em fundação de caridade; Nike acaba patrocínio

quarta-feira, 17 de outubro de 2012 10:29 BRT
 

17 Out (Reuters) - Lance Armstrong renunciou ao cargo de presidente do conselho da fundação de caridade que ele criou, a Livestrong, depois que autoridades antidoping dos EUA divulgaram um relatório devastador detalhando o uso de doping para melhorar a performance do ciclista, que por anos foi um dos melhores do mundo, anunciou a fundação nesta quarta-feira.

Separadamente, uma de suas principais empresas patrocinadoras, a Nike, informou que estava encerrando o patrocínio a Armstrong.

(Reportagem de Dan Burns)

 
Lance Armstrong caminha para seu carro após correr no parque Mount Royal em Montreal, Canadá. Armstrong renunciou ao cargo de presidente do conselho da fundação de caridade que ele criou, a Livestrong, depois que autoridades antidoping dos EUA divulgaram um relatório devastador detalhando o uso de doping para melhorar a performance do ciclista, que por anos foi um dos melhores do mundo. 29/08/2012 REUTERS/Christinne Muschi