4 de Novembro de 2012 / às 13:47 / 5 anos atrás

Maratonistas correrão por vítimas do Sandy em Nova York

Por Liana B. Baker

NOVA YORK, 4 Nov (Reuters) - Centenas de corredores em Nova York se recusaram a deixar que o cancelamento da maratona estrague seu domingo, e irão canalizar meses de preparativos em corridas informais para ajudar as vítimas do furacão Sandy.

Em meio a críticas das vítimas da tempestade de segunda-feira de que a corrida desviaria recursos dos esforços para socorrer partes inundadas da cidade, na sexta o prefeito Michael Bloomberg cancelou a maratona. O evento esperava atrair mais de 40 mil corredores - incluindo Kelly Rooney, uma mãe e dona de casa de 31 anos da Flórida.

A princípio Kelly reagiu mal ao cancelamento de Bloomberg, que no início da semana tinha insistido que mantinha a maratona apesar do furacão Sandy, cujos ventos de 130 km/h e inundação recorde de água do mar devastaram comunidades costeiras e levaram pelo menos 110 vidas.

Kelly viajou com o marido e a filha de seis anos, e seus pais saíram do México para torcer por ela.

Na tarde de sábado, ela já tinha superado a decepção e ansiava por uma corrida beneficente que descobriu pela internet, em Staten Island, distrito nova-iorquino bastante atingido.

Neste domingo, Kelly irá correr com uma mochila repleta de comida para cachorro e gato, pilhas e alguma água doada por seu hotel, o Ritz-Carlton.

“A esta altura, sinceramente nem ligo para a corrida, só quero doar estas coisas”, disse ela.

A ideia da prova de Staten Island foi de Jordan Metzl, médico de 46 anos especializado em medicina esportiva, e seus amigos de corrida na semana passada, quando o debate a respeito da manutenção da Maratona de Nova York na iminência do furacão esquentava.

Ele ficou abatido por ver que a comunidade de corredores, que realiza tantas provas para arrecadar dinheiro para uma série de causas, estava sendo vista de maneira tão negativa.

Metzl espera que mais de 500 corredores compareçam no terminal da balsa de Staten em Manhattan, entre eles participantes da Alemanha e da Itália. O remador norte-americano Alison Cox, que conquistou uma medalha de prata na Olimpíada de Atenas em 2004, também deve participar.

Os corredores percorrerão rotas diferentes por todo o distrito e distribuir suprimentos pelo caminho.

Outras corridas informais acontecerão neste domingo ao redor do Central Park, imitando a rota original da Maratona de Nova York de 1970.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below