Técnico Borghi anuncia saída do Chile após derrota para Sérvia

quarta-feira, 14 de novembro de 2012 20:24 BRST
 

SANTIAGO, 14 Nov (Reuters) - O técnico da seleção chilena, Claudio Borghi, disse nesta quarta-feira que não seguirá no cargo depois da derrota por 3 x 1 para a Sérvia em amistoso. Foi o quinto revés seguido da equipe.

"Pediram para me afastar, deixo de ser o técnico da seleção chilena", disse Borghi a jornalistas após o confronto disputado em St Gallen, Suíça.

"O balanço não é bom, me reuni com a direção e me pediram que fique afastado", completou.

O Chile, que meses atrás liderava as eliminatórias sul-americanas para a Copa de 2014, teve atuações apagadas nas últimas partidas e perdeu seus últimos três jogos pelas eliminatórias, além de dois amistosos.

(Reportagem de Claudio Cerda Santander em Santiago)