Fifa suspende jogador sul-coreano por incidente diplomático na Olimpíada

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012 12:04 BRST
 

3 Dez (Reuters) - O meio-campista sul-coreano Park Jong-woo foi suspenso por dois jogos e multado em 3.500 francos suíços (3.800 dólares) devido a um incidente político ocorrido durante a Olimpíada de Londres, informou a Fifa nesta segunda-feira.

O caso aconteceu durante a disputa pela medalha de bronze, em que a Coreia do Sul venceu o arquirrival Japão por 2 x 0. Durante as comemorações, o jogador, de 23 anos, recebeu de um torcedor uma faixa que dizia "Dokdo é nosso território", em alusão a uma disputa territorial entre as duas nações asiáticas.

Um comitê disciplinar da Fifa concluiu que o comportamento de Park, "embora não pareça ter sido premeditado ou intencional, contradiz a ideia principal e o objetivo do comportamento esportivo e do jogo limpo, e não pode, portanto, ser tolerado", segundo nota da entidade que dirige o futebol mundial.

Por causa da faixa, Park foi proibido de participar da cerimônia de premiação, mas a Associação de Futebol da Coreia disse no mês passado que ele foi avisado pelo comitê olímpico local que poderia receber sua medalha.

(Por Toby Davis em Londres)

 
Meio-campista sul-coreano Park Jong-woo controla a bola durante partida contra o Catar em eliminatória para a Olimpíada de Londres, em Doha. Park Jong-woo foi suspenso por dois jogos e multado em 3.500 francos suíços (3.800 dólares) devido a um incidente político ocorrido durante a Olimpíada de Londres. 23/11/2011 REUTERS/Fadi Al-Assaad