Serena quer superar Evert como número 1 mais velha

terça-feira, 1 de janeiro de 2013 16:58 BRST
 

BRISBANE, 1 Jan (Reuters) - Serena Williams creditou nesta terça-feira seu estilo de vida atual mais moderado à escolha do caminho para superar a norte-americana Chris Evert como a jogadora mais velha a ser número um do mundo no tênis feminino.

Williams, que registrou um saque de 200 km/h durante a segunda rodada de sua vitória sobre a francesa Alize Cornet no torneio internacional de Brisbane, está atualmente em terceiro lugar no ranking mundial.

No entanto, a tenista de 31 anos de idade é considerada a mais preeminente jogadora no momento, após vencer os títulos de Wimbledon, EUA e os Jogos Olímpicos no ano passado. Evert estava com 30 anos e 11 meses de idade quando foi número um em 1985.

"Estou muito chata atualmente", disse Williams a jornalistas. "Eu costumava ser divertida."

"Eu só acho que amadureci e entendi que não posso ser aquela garota divertida pelo resto da minha vida. Eu acho que foi isso que aconteceu. Eu poderia ser a número um mais velha. Mas já não sei sobre ser a mais divertida."

(Reportagem de Will Swanton)

 
Tenista norte-americana, Serena Williams, é vista durante jogo contra a francesa Alize Cornet pelo torneio internacional de Brisbane, na Austrália. Williams creditou nesta terça-feira seu estilo de vida atual mais moderado à escolha do caminho para superar a norte-americana Chris Evert como a jogadora mais velha a ser número um do mundo no tênis feminino. 01/01/2013 REUTERS/Daniel Munoz