Pressão é maior para Real do que para Man Utd, diz Ronaldo

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013 13:59 BRST
 

MADRI, 14 Jan (Reuters) - A ansiedade do Real Madrid para conquistar seu 10º título da Liga dos Campeões coloca a equipe sob maior pressão do que o Manchester United para o confronto entre as equipes pelas oitavas de final da Liga dos Campeões, disse o atacante Cristiano Ronaldo nesta segunda-feira.

O time espanhol recebe o Manchester no dia 13 de fevereiro no primeiro jogo do duelo, e a partida de volta no Old Trafford será em 5 de março. Bastante atrás do rival Barcelona na disputa pelo título espanhol, a conquista do torneio europeu tornou-se ainda mais importante para o Real.

"Acho que existe mais pressão sobre o Madrid do que sobre o United", disse o atacante, eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa em 2008, ao site fifa.com.

"Estou aqui há três anos e meio, e acredito que isso acontece porque todos os envolvidos estão totalmente focados em vencer o 10º campeonato europeu", acrescentou. "Isso cria uma certa dose de ansiedade, que pode ser sentida sempre."

"Com certeza não começamos o campeonato (Espanhol) muito bem. Sabemos que a Liga agora é uma escalada difícil para a gente, mas nada é impossível no futebol. Temos a Liga dos Campeões e a Copa do Rei também. Temos bastante coisa para vencer nesta temporada."

Um empate de 0 x 0 com o ameaçado de rebaixamento Osasuna, no sábado, deixou a equipe do técnico José Mourinho 18 pontos atrás do líder Barcelona, em terceiro lugar.

Essa é a maior desvantagem diante dos arquirrivais na liga com 20 times desde a temporada 1987/88, quando o Real estava 21 pontos atrás na metade do campeonato.

O atacante defendeu seu compatriota Mourinho, que tem sido duramente criticado pela mídia e vaiado pelos torcedores por causa da série negativa de resultados.

"As pessoas protestam e você tem que respeitá-las, mas eu acho que deviam ser um pouco pacientes com ele", disse Ronaldo.

"Para mim está muito claro que Mourinho sempre quer o que é melhor para o clube e vai lutar até a morte para defendê-lo. Na minha opinião, ele é o melhor treinador do mundo, tem muita experiência e venceu tudo que é possível."

(Reportagem de Mark Elkington)

 
Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, comemora gol durante partida contra o Celta Vigo pela Copa do Rei, em Madri. A ansiedade do Real Madrid para conquistar seu 10º título da Liga dos Campeões coloca a equipe sob maior pressão do que o Manchester United para o confronto entre as equipes pelas oitavas de final da Liga dos Campeões, disse o atacante. 09/01/2013 REUTERS/Juan Medina