19 de Janeiro de 2013 / às 16:08 / 5 anos atrás

Federer arrasa Tomic depois da zebra de Del Potro

Por Nick Mulvenney

MELBOURNE, 19 Jan (Reuters) - Roger Federer não estava disposto a deixar uma tendência se desenvolver, depois das primeiras zebras da semana no Aberto da Austrália, no sábado e arrasou o tenista australiano Bernard Tomic com autoridade para chegar às quartas de final.

Juan Martin del Potro surpreendeu Federer ao vencer o Aberto dos EUA em 2009, mas foi o argentino, sexto cabeça de chave do torneio, que levou um susto no sábado quando um inspirado Jeremy Chardy chegou com tudo, atropelando o adversário.

Serena Williams e Andy Murray não tiveram dificuldades para vencer suas partidas mais cedo no sábado, mas a campeã do ano passado e número um do mundo, Victoria Azarenka precisou se esforçar mais para conseguir mais uma vitória.

Porém, todas as atenções estavam voltadas para a partida da noite na Arena Rod Laver, onde Tomic estava empolgado com suas chances de transformar seu bom começo de temporada em uma vitória sobre o jogador considerado por muitos como o melhor jogador a pegar numa raquete.

Tomic se empenhou ao máximo e esteve a dois pontos de vencer um emocionante tie-break, do segundo set, mas o campeão de 17 Grand Slams, simplesmente mudou de marcha e com alguns winners extraordinários disparou para uma vitória por 6-4, 7-6 e 6-1.

“Eu tive que conseguir usar todo o meu repertório na quadra hoje, defesa e ataque, que eu gosto”, disse o segundo cabeça de chave, que vai enfrentar Milos Raonic, antes de dar alguns conselhos a Tomic.

“Acho que é importante estar confiante, mas obviamente é preciso respeitar o jogo e os outros jogadores. Acho que ele tem muito respeito por mim”.

Del Potro conseguiu se recuperar de dois sets, para equilibrar seu jogo no terceiro set, mas o esperto Chardy conseguiu quebrar um serviço no set decisivo e manteve a calma para vencer por 6-3 6-3 6-7 3-6 e 6-3.

“Eu não tinha nada a perder hoje, por isso foi fácil jogar”, disse o 36º do mundo. “É uma grande vitória para mim, talvez a melhor da minha carreira”.

Depois de cinco dias sem grandes zebras no primeiro Grand Slam do ano, duas aconteceram em poucos minutos.

Enquanto Chardy guardava suas raquetes na Hisense Arena, o italiano Andreas Seppi estava garantindo seu lugar como próximo adversário do francês, ao vencer por 6-7, 6-3, 2-6, 6-4 e 6-2, o croata, 12º no ranking Marin Cilic, o semifinalista de 2010.

Azarenka precisou se recuperar de uma quebra de serviço no set decisivo, para evitar ter o mesmo destino contra a americana Jamie Hampton e seu alívio ao vencer por 6-4, 4-6 e 6-2 ficou claro.

“Ela pediu um tempo médico, mas mandou ‘winners’ para todos os lados”, disse Azarenka. “Eu ficava pensando: ‘Será que estou com problemas de coluna? Estou me sentindo ótima, mas estou perdendo cada jogada’”.

Williams, em busca do seu sexto título em Melbourne Park, também oscilou um pouco, ficando com 3-0 no segundo set contra Ayumi Morita, 72º colocada no ranking mundial, depois de perder seu saque, pela primeira vez no torneio.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below