Fifa planeja ter perfil biológico de jogadores na Copa do Mundo

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013 12:15 BRST
 

ZURIQUE, 15 Fev (Reuters) - A Fifa planeja usar o perfil biológico de jogadores na Copa das Confederações deste ano e na Copa do Mundo do próximo ano em seus esforços para combater o doping, afirmou a entidade responsável pelo futebol nesta sexta-feira.

"A Fifa está desenvolvendo planos para introduzir esta nova ferramenta, incluindo um perfil de esteroides através da urina e um perfil sanguíneo, para a Copa das Confederações e a Copa do Mundo de 2014 no Brasil, onde testes dentro e fora de competição serão realizados em todos os jogadores participantes", declarou a Fifa em um comunicado.

A Fifa começou um projeto piloto em 2011 para capturar o perfil de esteróide individual dos jogadores com testes nos participantes do Mundial de Clubes, no Japão. O órgão disse que 178 testes fora da competição foram realizados em 2011 e 184 no mesmo torneio em 2012.

A Fifa acrescentou que estava desenvolvendo o projeto do perfil hormonal, uma nova iniciativa em colaboração com o laboratório credenciado pela Wada, na Suíça.

"A Fifa foi a primeira organização internacional de esporte de equipe a começar com perfis longitudinais", disse Michel D'Hooge, chefe da comissão médica da Fifa.

"Estamos testando isso no Mundial de Clubes em 2011 e 2012, vamos continuar na Copa das Confederações de 2013 com exames de sangue sem aviso prévio em campos de treinamento e jogos."

"É o nosso compromisso ter todos os jogadores participantes da Copa do Mundo de 2014 com perfis biológicos."

O presidente da Agência Mundial Anti-Doping (Wada), John Fahey, reuniu-se com o presidente da Fifa, Joseph Blatter, na quinta-feira, e disse que estava satisfeito com os esforços da Fifa.

(Reportagem de Brian Homewood)