Genova é multado por racismo de torcedores contra o Milan

segunda-feira, 11 de março de 2013 14:50 BRT
 

11 Mar (Reuters) - O Genova foi multado em 30.000 euros (38.900 dólares) após torcedores ofenderem racialmente um jogador do Milan na derrota de sexta-feira por 2 x 0, disse a Serie A em um comunicado nesta segunda-feira.

O comissário disciplinar da liga não revelou o nome do jogador envolvido. O ex-jogador do Genova que agora está no Milan Kevin, da Guiné, foi expulso no jogo.

Mario Balotelli e Sulley Muntari, do Milan, foram ofendidos racialmente por torcedores da Inter de Milão no mês passado. Kevin-Prince Boateng, do Milan, abandonou o campo quando foi racialmente ofendido por torcedores do Pro Patria em um amistoso em janeiro.

A declaração da Serie A afirmou que a multa do Genova também foi dada por causa de lasers direcionados por torcedores a jogadores do Milan e moedas e isqueiros arremessados em uma autoridade na linha do gol e no goleiro Christian Abbiati.

A Lazio foi multada em 10 mil euros após torcedores mostrarem um cartaz insultando o presidente da Uefa, Michel Platini, durante a derrota de domingo por 2 x 0 para a Fiorentina.

No mês passado, a Uefa ordenou a Lazio a jogar duas partidas europeias de portas fechadas por causa de racismo de fãs. Um apelo do clube de Roma não surtiu efeito, disse o presidente Claudio Lotito a jornalistas nesta segunda-feira.

(Por Mark Meadows)