Invasão de campo custou vitória à Rússia, diz Capello

terça-feira, 26 de março de 2013 11:57 BRT
 

Por Mike Collett

LONDRES, 26 Mar (Reuters) - A invasão de campo por um torcedor nos minutos finais do amistoso Brasil x Rússia, na terça-feira, fez com que os jogadores russos perdessem a concentração e cedessem o empate, disse o técnico italiano da seleção russa, Fabio Capello.

Faltavam poucos minutos para a Rússia conseguir sua primeira vitória sobre os pentacampeões mundiais, no quinto duelo desde o fim da era soviética. Mas, aos 45 minutos do segundo tempo, Fred tocou para o gol após jogada com Marcelo, selando o empate em 1 x 1 diante de 35 mil espectadores no estádio Stamford Bridge, em Londres.

Embora irritado com o invasor, que foi rapidamente retirado de campo, Capello se disse satisfeito com o resultado.

"Estou feliz com o jeito como jogamos, mostramos muito espírito de equipe", disse Capello a jornalistas após a partida. "Minha única frustação é que depois que um torcedor entrou no gramado meus jogadores perderam sua concentração, e contra o Brasil não se pode perder a concentração."

"Quando eu era treinador em Portugal, estávamos jogando contra a Estônia e uma menina muito bonita entrou no gramado sem blusa, todo mundo ficou olhando para ela -- até eu. Naquela hora, o jogo estava 0 x 0, e acabamos ganhando de 2 x 0. Não sei se o cara hoje distraiu o time russo, mas sei lá, pode acontecer."

Apesar do gol no final, a Rússia chegou a oito partidas de invencibilidade.

"Foi um bom resultado contra o Brasil, e quando você joga contra um time de ponta como o Brasil você aprende muito sobre os indivíduos e a equipe como um todo", disse Capello. "Fiz algumas mudanças, coloquei alguns jogadores, e isso nos coloca um passo à frente rumo ao nosso objetivo. Podemos fazer algo muito importante para a Rússia -- que é nos qualificarmos para a Copa do Mundo (de 2014) no Brasil."

A Rússia, que sediará a Copa de 2018, abriu o placar aos 17 minutos, com um gol de Victor Faizulin. O gol de Fred no final foi o terceiro dele em três jogos desde a volta de Luiz Felipe Scolari ao comando da seleção. O Brasil não venceu nenhum deles.

 
Homem corre no campo com uma bandeira durante amistoso entre Brasil e Rússia em Stamford Bridge, em Londres. 25/03/2013 REUTERS/Andrew Winning